Translate

quinta-feira, 20 de março de 2014

O Dia






foto de O.Heinze












O dia só começou a existir 
quando o ar encheu de pássaros
o sol perdeu a vergonha de sair
o sereno fugiu dos telhados

as estrelas sumiram no lume
as flores passaram perfume
o céu tirou o pijama amarelo
pos terno do azul mais belo
e levou as nuvens para passear
junto com a oração do meu olhar.

O dia só foi plenamente dia
quando eu não quis existir só em mim
e fui viver na paisagem que via
desfazendo a saudade de mim nela
e também a saudade dela em mim

então livres sinos badalaram
os de bronze e os de bonança
as coisas comigo juntaram
e o dia nasceu da esperança...

Um comentário:

Clau Assi Poesias disse...

Para não terminar o dia sem saborear poesia, aqui estou eu!!
Me deliciando!!!
Que lindo, O. Heinze. Que lindo!!!

Beijo ternurento